.


Mostrando postagens com marcador Saúde. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Saúde. Mostrar todas as postagens

21 de fevereiro de 2018

Vencendo o medo

Imagem: Facebook

O câncer é a doença que mais mata. As pessoas que consegue superar a doença considera uma grande vitoria em suas vidas. Algumas dessas pessoas ao vencer a doença ou estar vencendo, muitas vezes, fazem relatos que ajudam outras pessoas que estão passando pelo mesmo problema. É isso que minha amiga Vânia Cristina está fazendo.

Parece que foi ontem que tudo começou. Hoje, 20/02/18, completa 1 ano da minha ultima quimioterapia. Saudades??? Nenhuma. Mas foi e ainda esta sendo um grande aprendizado. Aprendi a orar e agradecer mais.

Não tenho pretensão de ser exemplo para ninguém, mas se eu puder ajudar a outra pessoa que esteja passando pela mesma doença que eu e precise de ajuda, claro que vou ajudar. Só quem já teve câncer, só quem já passou por tudo o que eu já passei e muito mais sabe do que estou falando. A gente aprende a ver a vida com outros olhos. A gente aprende a viver de novo. É como se nós pegássemos tudo o que aprendemos até hoje, colocássemos numa caixa e tentássemos só tirar as coisas boas de lá de dentro.

Tive várias alergias, vários efeitos colaterais, Mas eu consegui!!! Eu venci mais essa batalha!!! Este, com toda a certeza do mundo, não é um tratamento fácil e muito menos para qualquer um levar! Também não posso dizer que seja o mais difícil. Foram meses de muitas privações, muito controle e autocontrole, muito choro, muita tristeza. Mas também foram meses de algumas alegrias.

Hoje posso dizer quem realmente é meu amigo. Aquele que está ao meu lado para tudo e para todos os momentos e não só os momentos de festa. Meus amados irmãos da igreja, pessoas que eu não falava desde a infância, pessoas que eu nem conheço pessoalmente, pessoas que estão do outro lado do oceano, isso sem contar com os colegas de trabalho, que hoje também são meus amigos e família, alguns amigos do dia-a-dia.

Claro que tem algumas pessoas que são especiais, mas vou me privar de colocar aqui o nome delas para outras não se sentirem preteridas. Mas vocês podem ter certeza de que estas pessoas sabem que estou falando delas. Hoje posso dizer que sou mais forte do que imaginei ser e também sou tão frágil quanto um cristal delicado. 

Aprendi muita coisa durante este tempo todo e sei que ainda vou aprender mais ainda. A minha jornada ainda não acabou.

Acho que estou aprendendo a ser uma pessoa melhor. Uma pessoa que quer viver, que agradece a Deus todos os dias por mais um dia de vida. Uma pessoa menos estressada, que sabe ouvir mais. Algumas pessoas vão achar exagerado o que eu vou colocar aqui, mas posso dizer que hoje eu sou uma pessoa que sabe o que é sentir o peso da espada no pescoço e ter que escolher: você quer viver ou quer morrer?

Tudo na vida é uma questão de escolha. E eu escolhi viver. “Agradeço a Deus por ter cuidado de mim em todos esses momentos”.

“Deem graças em todas as circunstâncias, pois esta é a vontade de Deus para vocês em Cristo Jesus” (1 Tessalonicenses 5:18)

10 de janeiro de 2018

UMA AULA DE CIDADANIA

Hoje deparei com uma publicação na pagina do Facebook da minha filha que me chamou atenção. Enquanto tiveram que criar uma lei para defender a amamentação em qualquer local público, Michele deu e está dando uma verdadeira aula de cidadania, ela começou o pequeno texto ilustrando com fotos dizendo assim:

“Tem mama na rua, no supermercado, no consultório, no ônibus, no avião, na praça e na praia. Tem teta no carro, dentro da loja, no shopping e no restaurante”. 

“Não se preocupe com meu peito, pois ele é alimento e alimento é vida. É ato de amor. E se reclamar vai ter mais peito por ai...”.

Parabéns filha pela sua dedicação e amor a sua filha, redundante falar, minha neta, a pequena Lívia, que com certeza no futuro vai ter você, como um exemplo de mãe. 

Original ß
Tem mama na rua, no supermercado, no consultório, no ônibus, no avião, na praça e na praia. Tem teta no carro, dentro da loja, no shopping e no restaurante.
Não se preocupe com meu peito, pois ele é alimento e alimento é vida. É ato de amor. E se reclamar vai ter mais peito por ai...

COMPRA DE MEDIAMENTOS VIRA POLÊMICA

A discussão é local, mas afeta na verdade o Brasil inteiro. Por isso, este artigo de uma forma geral expõe a situação da saúde no Brasil e o descaso com que ela é tratada pelas autoridades ditas responsáveis.

"A presidente do Centro Infantil Boldrini, Sílvia Brandalise, e o ministro da Saúde, Ricardo Barros, vêm trocando farpas, desde a última semana sobre a compra do medicamento para o tratamento do câncer infantil. Em entrevista, ele acusou a médica de ter interesse na compra do remédio alemão, afirmando ainda que ela tem tirado o sono das mães dos pacientes. 

A especialista rebateu e condena o ministro por desviar recursos da pasta para bancar a base aliada do presidente Michel Temer. A medicação comprada pelo governo, da China, não tem eficácia comprovada, segundo o Boldrini.

Depois de o governo ter anunciado na segunda-feira (8) que adequará o valor da tabela de procedimentos de quimioterapia, a médica afirmou que o reajuste não deve acontecer. “Esse ministro falta com a verdade. Uma tabela que não tem atualização nos últimos dez anos não deve mudar. A saúde está completamente sucateada. 

Vemos isso diariamente nos postos de saúde e hospitais públicos”, disse. “Além disso, devemos discutir ainda os R$ 460 milhões que foram repassados da Saúde para os parlamentares da base aliada que, na minha opinião, deveriam ser utilizados para a compra do Oncaspar para os pacientes de cada região. Toda essa situação representa uma grave infração ao Estatuto da Criança e do Adolescente. 

A privação dos doentes a remédios de qualidade é muito grave”, avaliou. Sobre o recurso liberado aos parlamentares, o governo disse, em nota oficial, que se referem a emendas impositivas, de cumprimento obrigatório.
Segundo Brandalise, a empresa brasileira Shire já informou oficialmente e disponibilizou a comercialização da Peg-Asparaginase (Oncaspar) no Brasil para a segunda ou terceira semana de janeiro de 2018. 

A informação foi confirmada pelo ministério. “É importante esclarecer que, em novembro do ano passado, por determinação do Ministério da Saúde, esta empresa não foi autorizada a vender o medicamento, já disponível no Brasil, e ainda dentro do prazo de validade”, afirmou. “A Shire entrou com interpelação judicial para garantir esta venda, todavia sem sucesso”, disse.
Segundo ela, ainda este mês, o laboratório disponibilizará 1.500 frascos para venda aos hospitais: 

“Por esta razão não é necessário fazer qualquer outra importação da L-Asparaginase. O governo não deixou vender naquele momento de forma proposital. Ao mesmo tempo, abriu licitação para a compra de medicação chinesa. Existe sim uma tendeciosidade do ministro, já que temos o produto no Brasil.”

Pregão

Mas segundo o Ministério da Saúde, o pregão que ainda não está finalizado passou por discussão com diversos órgãos da sociedade. E o governo não vai comprar 50 mil frascos, como afirmado pela médica, e sim estabelecerá um processo, caso os hospitais precisem do remédio. 

O governo afirmou que o procedimento não foi proposital, mas seguiu trâmites jurídicos necessários. Ainda de acordo com o ministério, toda compra deve seguir regras de licitação, validação e indicação de orçamento, cumprindo responsabilidades fiscais pela decisão. Em nota, o ministério informou que o processo licitatório aguarda documentos adicionais sobre estudos clínicos.

A análise conjunta da documentação entregue pela empresa vencedora dará mais segurança aos pacientes na nova aquisição do medicamento, diz, garantindo não só o abastecimento como a qualidade do produto fornecido.
Mas a médica acusa o governo de fornecer medicação sem comprovação para os pacientes por meio do Sistema Único de Saúde (SUS). 

“Considero a distribuição da medicação chinesa um atentado contra a criança brasileira. No Boldrini, todas as mães dormem felizes e agradecem a Deus, pois tratamos nossos pacientes como trataríamos nossos filhos. Prova disso são os quase 7 mil sobreviventes de câncer que passaram pelas nossas mãos.”

Discussão

Durante entrevista para uma rádio de Campinas na última semana, Barros assegurou a qualidade do remédio importado da China e comprado pelo governo federal em 2017. Durante a discussão, ele atacou a especialista. "Eu acho que a dona Sílvia pode cuidar muito bem do seu hospital e ela podia parar de tirar o sono das mães brasileiras e que têm filhos tratando de câncer", disse o ministro.

Ela rebateu. "Como que as autoridades da saúde importam um produto, sem ter um certificado de eficácia e segurança do paciente?" , questionou. "Sim, mas o produto que ela compra não tem a certificação. É muito estranha essa posição da dona Sílvia do Boldrini" , falou o ministro.

Mesmo após uma decisão judicial expedida no dia 12 de maio, pelo juiz federal Haroldo Nader, impedindo a distribuição da leuginase, a mesma medicação foi entregue no Boldrini e recusada pela médica. O ministro não só insistiu na eficácia, como realizou em dezembro um pregão eletrônico para estabelecer nova compra do medicamento. A empresa vencedora da licitação foi a Xetley do Brasil Ltda, agora distribuidora do medicamento Leucospar, fabricado pela farmacêutica chinesa Changzhou Qianhong Biopharma. Co, Ltda.

"Um pregão eletrônico sendo decidido pelo menor preço. Medicina a gente não faz pelo menor preço", defendeu Sílvia. O comentário foi criticado pelo ministro. "Mas o Tribunal de Contas não entende dessa forma, e nós somos gestores públicos e temos que cumprir. Se está adequado, ele será comprado e distribuído e a dona Sílvia pode continuar comprando o medicamento que ela quer" , afirmou na entrevista".


3 de novembro de 2017

Saúde animal em foco

Arquivo pessoal

No inicio da semana estava assistindo um telejornal em uma rede de TV e, curiosamente exibia uma reportagem mostrando como os animais de um zoológico em Gramado, RS são tratados. Fiquei sabendo que esses animais fazem um checaup completo uma vez por ano. Incrível, infelizmente, a maioria dos brasileiros que dependem do serviço público de saúde não conseguem isso.
Quero deixar bem claro que não tenho nada contra os cuidados com a saúde dos animais. Até porque se eles estão presos devem ser mesmo cuidados. Com isso, nós nos sentimos menos valorizados do que os animais.
Mas isso não é a regra, tem uma classe privilegiada que não tem nenhum problema quando o assunto é saúde. Estou falando da classe política, principalmente, deputados e senadores. Eles tem o melhor plano de saúde, não somente pra eles, também é extensivo a toda a família.
Será que algum dia nós também podemos ser tratados como nesses animais na área da saúde? Com direito a um checaup uma vez por ano. Teve gente que discordou do meu ponto de vista em dizer que muitas vezes os animais no Brasil são mais bem tratados que muitos humanos.
Mas é uma realidade, tem gente que compra ração para levar para os animais nas praças, gatos e cachorros enquanto naquela mesma praça tem, talvez, um morador de rua que não tem alguém sem a minima condição de se alimentar.

11 de novembro de 2016

>Que tal um restaurante chinês

ATENÇÃO AO COMPRAREM ALIMENTOS CHINESES. VOCÊ PODE MORRER DE UM MOMENTO PARA OUTRO, AO INGERIR BACTÉRIAS MORTAIS.


Leia o texto e veja as imagens: são chocantes. Não se esqueça de repassar a todos os seus amigos. Temos que estar conscientes dos alimentos que são oferecidos em vários restaurantes. Atente para o material preparado, como tortas, etc. Tome nota cuidadosamente dos códigos de barras – isso vai certamente ser muito útil (detalhes de códigos de barras a seguir). Observe as fotos que falam por si: 







ALIMENTOS IMPORTADOS PERIGOSOS 

O mundo inteiro está com medo do que a China está fazendo com os chamados "bens coração preto”, ou viciado. Você pode diferenciar quais são feitos nos EUA, Filipinas, Taiwan, China ou Canadá? Para sua informação, os três primeiros dígitos do código de barras são o código de país, no qual o produto foi feito. Por exemplo, códigos que comecem por 690, 691 até 695 são TODOS feitos na CHINA

471 é feito em TAIWAN.
Temos o direito de saber. Se o governo não nos ajuda explicando estas malfeitorias, temos, nós mesmos, de estar vigilantes. Hoje em dia, os empresários chineses sabem que os consumidores não preferem produtos "made in China ", por isso eles escamoteiam (escondem) esta informação. No entanto, você pode consultar o código de barras, e lembre- se, caso os três primeiros dígitos sejam 690-695, então ele é feito na China. 
00 – 13: ESTADOS UNIDOS e CANADÁ 
30 – 37: FRANÇA 
40 – 44: ALEMANHA 
49: JAPÃO 
50: REINO UNIDO 
57: DINAMARCA 
64: FINLÂNDIA 
76: SUIÇA e LIENCHTENSTEIN 
260: PORTUGAL 
628: ARÁBIA SAUDITA 
629: EMIRADOS ÁRABES UNIDOS 
740 – 745: AMÉRICA CENTRAL 
TODOS OS CÓDIGOS INICIADOS EM 480 SÃO DAS FILIPINAS 

ALIMENTOS PROCESSADOS NA China, Hong Kong, Vietnam e Tailândia. 
Nesses países, não existem regras de inspeção de alimentos!


Gosta de Frango vendido em tendas?  Leia este texto e veja o que está COMPRANDO. Especialmente produtos PEIXES "Highliner", todos vêm de China, mesmo que a caixa diga “produto do Canadá”, na verdade é da China e processado no Canadá, ou seja, apenas o revestimento e embalagem são feitos no Canadá. Os peixes são criados em tubos que utilizam produtos químicos que são proibidos no Canadá por serem cancerígenos, mas que são legais na China. Isto foi exposto na CBC TV.Market. Você tem garantia que o alimento importado da China é processado de forma higiênica? 

Logo pela manhã, o “boy” parte para recolher galinhas mortas nas inúmeras quintas de criação de aves.



 Uma galinha morta custa 1/9 do preço de uma galinha viva!
                        As carcaças são espalhadas por todos os lados




 Antes de serem “pintadas” para ficarem mais apetitosas, passam por uma velha banheira.

  Agora sim; veja como ficou bonitas; encontram-se “bronzeadas” e com bom aspecto.
 Enviar a tantas pessoas quanto possível. Estes são alimentos originários da China (ou Vietnam e Tailândia!) Leia os rótulos e procure pelo país de origem!
SUA SAÚDE ESTÁ EM JOGO! 

28 de outubro de 2016

>Diagnóstico chinês

Uma mulher que trabalhava num banco há muitos anos, caiu em desespero. Estava tão depressiva que poderia ter um esgotamento nervoso. Foi então a um médico chinês que lhe perguntou buscando um diagnóstico:

- Como se chama a jovem que trabalha ao seu lado no banco?
- Cíntia, respondeu ela, sem entender.
- Cíntia do quê?
- Eu não sei.
- Sabe onde ela mora?
- Não.
- O que ela faz?

- Também não sei.

A medicina chinesa entende que o egoísmo rouba a alegria. E era isso que estava acontecendo com a pobre mulher.

- Posso ajudá-la, mas você tem que prometer que fará o que eu lhe pedir.
- Farei qualquer coisa! Afirmou ela.
- Em primeiro lugar, faça amizade com Cíntia. Convide-a para jantar em sua casa. Descubra o que ela está almejando na vida, e faça alguma coisa para ajudá-la.
- Em segundo lugar, faça amizade com seu jornaleiro e a família dele, e veja se pode fazer alguma coisa para ajudá-los.

- Em terceiro, faça amizade com o zelador de seu prédio e descubra qual é o sonho da vida dele.
- Em dois meses, volte para me ver. Ao fim de dois meses, ela não voltou, mas escreveu uma carta sem sinal de melancolia ou tristeza. Era só alegria! Havia ajudado Cíntia a passar no vestibular. Ajudou a cuidar de uma filha doente do jornaleiro. Ensinou o zelador a ler e escrever, pois era analfabeto.” Nunca imaginei que pudesse sentir alegria desta maneira!", escreveu ela. Os que vivem apenas para si mesmos, nunca encontrarão a paz e a alegria, pois somos chamados por Deus para ser benção na vida dos outros. Você já conhecia este segredo?

Muitas vezes nesta vida, nós somos o remédio da vida de outras pessoas!  Quantas vezes você já curou uma pessoa com o seu abraço, uma visita inesperada, um sorriso, uma palavra, um carinho ou até mesmo, um e-mail enviado? Sua presença alegra a vida das pessoas, é um poderoso remédio contra a tristeza, a depressão, a dor e os sofrimentos da alma. Estar presente, na vida das pessoas que amamos é milagre poderoso, que pode transformar-se em processos de cura absoluta: Eu te agradeço, por fazer parte da minha caixinha de remédios! Temos a bonita missão da sra. Mary Kay Ash, de ser remédio na vida das pessoas através da beleza e da plaquinha que cada uma carrega onde diz “Me faça sentir-se importante” quando verdadeiramente entendermos isso, seremos muito mais felizes ao ajudar o próximo.

30 de outubro de 2015

>Informação de extrema importância para prevenção do câncer

Diante da grande incidência de câncer da tireoide que vem atacando, principalmente as mulheres, achei por bem publicar este texto que minha esposa recebeu em um grupo do WHASTAPP e ficou surpresa com a informação que o mesmo trás. Segundo a informação, o perigo começa exatamente quando as mulheres vai fazer o exame para prevenção do câncer de mama. Assim começa o relato de uma telespectadora não especificado a data, apenas o dia da semana...

Na quarta-feira, o Dr. Varela, (ao que tudo indica deve ser Dr. Dráuzio Varella, médico oncologista, cientista e escritorfez um programa mostrando o porquê do câncer da tireoide estar se expandindo rapidamente entre as mulheres. Ele afirmou que possivelmente possa ser um resultado das radiografias dentárias e das mamografias. No avental que protege os radiologistas odontológicos, há uma pequena PESTANA que pode ser levantada e encostada ao pescoço (cobrindo a glândula tireoide).

Normalmente não é usada. Há também um PROTETOR de Tireoide para uso durante as mamografias... Mas é necessário pedi-lo ao radiologista. Agora vem o comentário. Ontem, coincidentemente, fui fazer uma mamografia e perguntei ao técnico pelo protetor de tireoide e completamente seguro de si, ele o tirou de uma gaveta. Perguntei-lhe: Por que você não me ofereceu espontaneamente? E ele respondeu: "Não sei, mas basta pedi-lo".

ABSURDO! Eles sabem, mas ao que parecem são orientados pelos patrões da “máfia médica” a não oferecerem para diminuir custos. Agora eu me pergunto: como é que eu me lembraria de pedir, se não tivesse visto aquele programa? Agora, você que esta lendo já sabe, espalhe e exija os seus direitos!

Compartilhe esta informação com suas AMIGAS e AMIGOS, peçam para que ELES também ajudem a divulgar para suas mães, irmãs, primas, esposas, namoradas, vizinhas, amigas, enfim! E que eles peçam para todos fazerem o mesmo e divulgar também pelas ruas, trabalho, etc. Quanto maior o número de pessoas informadas, principalmente mulheres, muitas vidas serão poupadas”! 

J Araújo

5 de junho de 2015

>A saúde pede socorro

A saúde pública, na maior parte do Brasil, está um verdadeiro caos. E em Campinas, SP não é muito diferente do resto do país, mesmo a cidade sendo referência na (RMCRegião Metropolitana de Campinas, e até mesmo fora dela. A mesma recebe pacientes de várias regiões, até mesmo de outros estados, que vem em busca de tratamento em várias especialidades, principalmente, nos Hospitais de Clínicas da (UNICAMP)UniversidadeEstadual de Campinas Celso Pierro da (PUCC), Pontifícia Universidade Católica Campinas, além do Hospital Ouro Verde e Mário Gatti, estes dois últimos municipais.

A cidade dispõe de mais de 60 Centros de Saúde, com várias carências, desde falta de médicos até mesmo a falta de medicamentos essenciais para suprir as necessidades dos pacientes. Essas unidades de saúde estão distribuídas em cinco Distritos; Norte, Sul, Leste, Noroeste e Sudoeste. Para se ter uma ideia do caos, somente o Distrito de Saúde Sul concentra 17 dessas unidades de saúde, apenas três, para dar conta de toda a demanda de esterilização das outras 14 da sua área de abrangência.


Grandes partes das máquinas que fazem o processo de esterilização dos materiais utilizados nos procedimentos nas unidades estão quebradas há muito tempo e o poder público vai adiando a resolução do problema. Isso é apenas mais um e, com certeza, coloca em risco a qualidade do serviço. Por essas razões a saúde pede socorro e coisas assim passa despercebidas da população que sente apenas os efeitos de tudo isso na hora em que necessita de atendimento.  Não sabendo muitas vezes o motivo de tanto descontentamento de muitos servidores da área.
(a) J Araújo

9 de fevereiro de 2015

>Desperdício de recursos públicos

A vacina (Bacillus Calmette-Guérin) BCG  é uma das que mais se perde nas (UBSs), Unidades Básicas de Saúde de Campinas, SP. Ela é considerada obrigatória para crianças desde os primeiros dias de vida até 5 anos de idade e deve ser tomada o mais cedo  possível. Ela é uma vacina contra a tuberculose, uma doença muito grave, transmitida pelo ar, e pode atingir todos os órgãos do corpo, em especial os pulmões.
  
A perda acontece quando o frasco é aberto. Isso ocorre porque, após a abertura do mesmo deve ser aplicada em um período maximo de 6 horas. Damos como exemplo um frasco contendo 10 doses sendo aberto as 16:00hs, imaginemos que nesse período aparece na unidade apenas uma criança.  Essa unidade encerra seu expediente as 19:00hs isso significa que 9 doses vão ser descartadas. Prejuízo para os cofres públicos. Isso ocorre quase que diariamente.

Para resolver o problema bastava que as mães ou responsáveis fossem contatados por telefones para comparecerem na unidade de saúde correspondente à sua área de domicilio. Porém, ouvi de uma atendente que os gestores preferem esse tipo de atendimento  em prática. Enquanto isso, vamos vendo o dinheiro dos nossos impostos descendo literalmente pelo ralo.

(a) J Araújo

26 de abril de 2014

>Responda rápido. Qual a diferença entre zeladora e seladora

Que a saúde em Campinas vai de mal a pior todo mundo sabe. É tão verdade isso que tem funcionário confundindo zeladora com seladora de embalagens usadas para fechamento. Quanto aos funcionários explico: alguém me pede para deslocar até um determinado lugar e trazer uma zeladora. Chegando lá entrei em contato com a pessoa responsável por liberar a funcionária que eu deveria transportar.
O dialogo foi mais ao menos esse ao encontrar o funcionário responsável pela liberação, já o conhecia:

- Vim buscar a zeladora!
- Me acompanha – respondeu o mesmo
Se fosse uma pessoa não havia necessidade, a única coisa que o mesmo deveria fazer era avisar que eu estava ali para leva-la a outro setor. Pegamos um corredor até chegar ao setor de esterilização de materiais. Chegando lá me apontou para uma maquina seladora, usada naquele setor. Tentei argumentar que não fui buscar uma seladora, mas, sim uma zeladora, pessoa responsável pela limpeza. Ele disse que não era isso que tinha combinado com a pessoa que havia me pedido para desempenhar a função.
Fiz de conta que também não entendi e peguei a dita cuja e coloquei no banco traseiro do carro. Antes o mesmo ainda disse:

- Quem vai trazer a mesma de volta ainda hoje?
- Pode ter certeza que serei eu.
Sai dali disposto a pregar uma peça na pessoa que fez o pedido, mas antes precisava fotografar a peça. E assim fiz. Chegando ao local indicado chamei a pessoa responsável que estava ansiosa à espera da zeladora para inicio do trabalho de limpeza. Preferi chama-la, quando a mesma me avistou quis saber o que havia acontecido. Pedi para olhar no interior do carro que estacionei em frente ao centro de saúde.
- Cadê a zeladora? Disse.
- Olhou direito? Respondi
- Estou vendo uma seladora. Não acredito!!
- Pode acreditar, respondi.

Cai na pegadinha, agora vou chamar a fulana. Saímos e entramos a procura da fulana que estava muito ocupada. Quis saber por a zeladora não queria descer do veiculo.
- Ela disse por que não quer descer? Vou falar com ela.

Respondemos que não. Ao chegar perto do veiculo perguntou onde se encontrava a tal. Apontei para o banco traseiro do carro. Quando descobriu a verdade acabou achando graça da situação. Defeito o mal entendido retornei com a seladora para devolução de onde nem deveria ter saído. Ao encontrar a pessoa que havia feito o empréstimo o mesmo quis saber o motivo da rapidez da devolução. Informei que o motivo era a diferença entre seladora e zeladora. Que aquela foi devolvida pelo simples motivo de não servir para fazer a limpeza.

- Claro! Essa aí não faz limpeza mesmo!

Pediu que eu levasse a maquina de onde saiu, chegando lá colocou a mesma na tomada onde permaneceu à espera de uso para o qual a mesma foi fabricada. A zeladora...essa não foi encontrada...

(a) J Araújo

4 de abril de 2014

>Enquanto isso, a população amarga uma longa espera

Arquivo pessoal
Que a saúde em Campinas está um caos todo mundo sabe.  Nem mesmo a vinda dos médicos do programa “Mais Médicos” do governo federal resolveu o problema da falta de profissionais na cidade. Só ouvimos falar que o governo está tomando providencias para melhoria no atendimento, é uma área das mais críticas. O prefeito Jonas Donizete, (PSB), depois de mais de um ano ainda não conseguiu resolver o problema. Afinal de contas é nas unidades de saúde que a população vai à procura de assistência médica, lida com a vida de pessoas, um dos bens mais preciosos. 

O secretário de Saúde do município Carmino Antonio de Souza, apesar de várias promessas, não tem conseguido resolver nem mesmo os problemas estruturais das unidades de saúde. Fala-se em construir um Pronto Socorro Regional, enquanto isso não se consegue terminar o Pronto Socorro Suleste, está com suas obras paralisadas ha mais de dois anos? É um espaço abandonado que serve como esconderijo de usuários de drogas, segundo os moradores da área. Caso seja construído como será gerido se não tem profissionais nem para as unidades hoje existentes. 

As reclamações são constantes, nas UBS (Unidades Básicas de Saúde), onde faltam medicamentos além de profissionais, principalmente médicos. Nos PSs (Prontos Socorros), que de pronto só tem o nome, alguns funciona graças às horas extras pagas para funcionários de outros centros saúde que trabalhem nas horas de folgas  nessas unidades, o PS São José é um exemplo desse tipo de expediente.

Mas, o que pouca gente sabe é; para funcionar, as unidades de saúde necessitam de materiais esterilizados para vários procedimentos, e isso depende das autoclaves (são máquinas que esteriliza os materiais e gazes) para procedimentos. E isso está cada vez mais difícil de ser feito. Para se ter uma ideia da gravidade da situação, o Distrito Saúde Norte, com 14 unidades, apenas 4 máquinas estão em funcionamento, no Distrito de Saúde Sul, com 16 unidades, apenas 4 estão funcionando no Distrito de Saúde Noroeste, com 13 unidades somente 2 esterilizadoras funcionam, as demais estão quebradas aguardando manutenção que nunca chegam. Existem equipamentos que estão parados há mais de um ano.

Não estão computados nesta lista os Distritos de Saúde Leste e Sudoeste dos quais não foi possível obter informações de quantos equipamentos estão funcionando. Enquanto isso, a população que depende do serviço de saúde amarga uma longa espera para ser atendida mesmo nas urgências, especialidades nem se fala, é quase impossível. Isso quer dizer que o colapso na saúde não está restrito apenas a falta de médicos e outros profissionais, mas também de equipamentos básicos que, muitas vezes, compromete o atendimento dos pacientes que necessitam de assistência.  
(a) J Araújo

22 de julho de 2010

>Doenças do esgoto

Imagem da webUma noticia, não sei se assustadora ou triste; assisti a alguns dias uma reportagem, (Jornal da Globo), que discutia a questão do sistema de tratamento de água e esgoto no país. Dizia a reportagem que a falta de saneamento afeta também a economia. De acordo com os pesquisadores. Isso ocorre porque os trabalhadores que moram em áreas sem rede de esgoto ficam mais doentes, faltam mais ao trabalho e, por isso, têm produtividade menor

Também, estudo da Universidade do Novo México, nos Estados Unidos, mostra que doenças provocadas pela falta de saneamento básico prejudicam o desenvolvimento cerebral e a inteligência do ser humano.

Aí eu fiquei pensando, deve ser verdade, no grande numero de cabeças cheias de ‘esgoto’ soltas por ai não é dificil acreditar está. Fiquei mais pensativo e preocupado ao mesmo tempo. De repente fiquei um pouco aliviado, acredito que estou livre desse mal.

Tenho absoluta certeza que não entrou esgoto em minha cabeça; sabe por quê? Só se entrou depois de velho, quando eu estava dormindo porque tive a felicidade, posso dizer de boca cheia, não nasci na cidade. Nasci no campo, antigamente por onde se olhava era floresta pura bebia água limpa mesmo não sendo índio. Até que índio está na moda; vocês não perceberam; índio agora é o vice de um dos candidatos a Presidente da República. Ufa!

22 de julho de 2009

> Influenza (H1N1)

webEspirômetro
Serve para diagnosticar, avaliar e acompanhar a evolução da asma:
fonte: Web MD


Este tipo de equipamento é utilizado na realização das chamadas “espirometrias” que são as provas funcionais respiratórias mais utilizadas atualmente.
Para diagnosticar a asma e avaliar a gravidade da doença, o seu médico pode recorrer a diferentes tipos de testes de função pulmonar ou provas funcionais respiratórias. Destes testes, o mais utilizado é o espirómetro.

O que é?

O espirómetro é um aparelho utilizado para avaliar se os seus pulmões funcionam bem, determinando a quantidade de ar que conseguem suportar e quão rapidamente o conseguem expirar. Este tipo de equipamento é utilizado na realização das chamadas “espirometrias” que são as provas funcionais respiratórias mais utilizadas atualmente.

Para que serve?
• Para além de permitir diagnosticar a asma, este teste permite detectar outras doenças pulmonares (tanto obstrutivas como restritivas). Dado que a asma é uma doença pulmonar obstrutiva, é possível detectá-la já que, nas pessoas com a asma há uma dificuldade na passagem do ar durante expiração.
• Avalia a gravidade das doenças pulmonares, incluindo a asma.
• Verifica se os tratamentos para as patologias pulmonares estão a ter o efeito desejado.
• Permite fazer o acompanhamento da evolução da doença ao longo do tempo.

Mais uma vez o povo se encontra às voltas com mais uma pandemia, ou epidemia como queira. O nome no momento é o menos importante. O que sabemos até o momento é que o virús H1N1, ou (influenza A), continua provocando vítimas. O estoque de máscaras não está vencendo tamanha a procura pelo produto. É comum encontrarmos pessoas usando até lenço para se proteger. A gripe está fazendo vítimas, na (RMC) Região Metropolitana de Campinas já são 7 mortes, 5 em Campinas e 2 na região.

E o governo como sempre pedindo para o povo não se preocupar. Isso me faz lembrar da crise econônima, o governo quando foi perguntando, disse que era "...uma marolinha". Veja o estrago que fez. Vários brasileiros perderam o emprego. O mundo como um todo ainda sente os efeitos da crise que vai permanecer, no mínimo, os efeitos por um longo período.

O certo é que o povo está mais uma vez com medo, apavorado. Chegamos ao ponto de alguém tossir e de repente ser encarado como provável portador do virús. E com toda razão, os sintomas é identicos ao da gripe comum(sazonal). O virús já tem vida própria no país, isto é, está havendo a contaminação de pessoas que não sairam nem tiveram contato com outras que viajaram para países com alto índice de contaminados.

A OMS (Organização Mundial da Saúde) já alertou que mesmo antes da descberta de uma vacina, o virús H1N1, sofreu mutações genéticas, dificultando assim cada vez mais o seu controle. Que Deus nos proteja..... isso já era de se esperar.

26 de abril de 2009

>Semente de manga

Image: web
Aconteceu lá em Minas Gerais. A moça ficou grávida e não sabia, a barriga não cresceu como era de se esperar. Ninguém percebeu seu estado de gravidez. Moça simples morava na roça, certa tarde ela foi para uma mangueira em seu quintal e se empanturrou de manga verde com sal; tomou leite e logo começou a passar mal com fortes dores.

Os pais preocupados com a saúde da filha foram até o meu primo - na época ele tinha um fusquinha - e pediram socorro. Muito prestativo la foi ele.

Correu para o posto de saúde mais próximo que fica a mais de 20 quilômetros, na estrada segundo ele, foi uma loucura, a moça gritava de dor chegando ao centro de saúde nasceu uma linda criança que ninguém sabia quem era o pai. Quando meu primo voltou com a notícia, muitas mulheres diziam que queria por queria a semente da tal manga milagrosa.


Autor: J. Araújo

8 de novembro de 2008

>Intestino preso o que fazer!!


Joannesia princeps Vell
Sinon.: Andicus pentaphyllus Vell., Anda gomesii A.
Juss., Anda brasiliensis Raddi

Família: EUPORBIACEAE
Nomes comuns:  cutieira, purga-de-cavalo, fruta-
de-cotia, coco-de-purga, fruta-de-arara, purga-de-
gentio, indaiaçu.

CARACTERÍSTICAS GERAIS
Árvore de 15 a 20 m de altura, com casca cinzenta, ramos jovens com pelos. Folhas alternas, digitadas, de 3 a 5 folíolos, ovados a elíptico, glabros, pecíolos de 6 a 15 cm de comprimento. Flores brancas ou arroxeadas, de 2 a 3 mm. Fruto drupáceo, globoso, de até 20 cm de comprimento.

OBSERVAÇÕES ECOLÓGICAS E OCORRÊNCIA
Espécie decídua. Ocorre no Pará e, desde a Bahia até o Rio de Janeiro, nas formações florestais do complexo atlântico, podendo ocorrer nas matas estacionais de Minas Gerais.


PROPRIEDADES DA MADEIRA E OUTROS USOS

Madeira branco-amarelada, mole, leve, textura grosseira e brilho acetinado. Usada na marcenaria e indústria de palitos. O óleo das sementes possui emprego medicinal como purgante e energético e, industrialmente substitui o óleo de linhaça para pintura. A árvore é útil para sombreamento em pastagens, porém não para arborização de ruas em virtude do tamanho e peso dos frutos, além da facilidade com que o vento pode quebrar seus galhos. 

Esta linda árvore conhecida popularmente na região, como cutieira, produz uma castanha de sabor delicioso, porém perigosa para quem não conhece seus efeitos e não sofre de problemas intestinais. A partir do momento da ingestão o intestino desprende aproximadamente em 1/2 hora, variando de pessoa pra pessoa. A população local tem histórias pra contar sobre os efeitos desse fruto começando pelo (rs,rs,rs,rs) autor. Se você souber do que se trata, por favor, se manifeste ou mesmo pra dar sua opinião a respeito. 


Florada: Julho a Novembro
Fruto: Setembro a Dezembro
A direita o fruto após cair do pé e soltar sua casca que se abre em forma de uma estrela de quatro pontas. Cada castanha produz apenas duas sementes com uma segunda casca. Confesso que, quando ainda criança desobedeci meu pai em nome do sabor, até hoje não esqueço o resultado da desobediência. O pior de tudo é que não teve como esconder, precisa dizer mais alguma coisa?


As sementes da cutieira possuem cerca de 37% de um óleo denso e amarelo, útil para fins medicinais (como purgante), industriais (substituindo o óleo de linhaça para pintura)
[LORENZI, 2002]. Veja este vídeo com a Regina Casé

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...